Camarilha dos Quatro

Revista de crítica musical.

cooly g – playin’ me (2012; hyperdub, reino unido)

Cooly G é Merrisa Campbell, DJ, cantora e produtora londrina que ganhou destaque ao entrar para o rol de artistas do Hyperdub em 2009, com um UK Funky carregado de Dub e Deep House, utilizando ocasionalmente seus vocais. Através daquele selo, lançou três singles e um split com o Mala, além de Playin’ Me, seu álbum de estréia que saiu esse ano. Paralelamente, Campbell cuida do Dub Organizer, selo que teve início com uma série de EPs da artista, lançados independentemente em CD-R a partir de 2008, e acaba de lançar uma compilação. (IC)

*#*

No ano passado, o Hyperdub deu início à promoção do álbum de estréia de Cooly G com o single Landscapes / It’s Serious. A foto utilizada na arte, que mostra Merrisa Campbell com o cabelo de lado, óculos escuros e usando o mesmo batom rosa com o qual é escrito o nome pelo qual atende, revela o clima de sedução kitsch que domina a fase atual da artista. “Landscapes” é a mais emblemática de suas recentes produções: vocais convidativos quase sussurrados, pads viajantes, percussão que alterna padrões sincopados de UKF e batidas mais retas de House, e um trabalho com os graves provavelmente assimilado do Dubstep. Sem dúvidas é uma faixa inspirada e bem construída, mas que em nada lembra a ousadia de “Phat Si”, que permanece como sua produção mais impressionante, sem concorrência ainda hoje. Lançada em 2010, trata-se de uma versão do UKF completamente soterrada em efeitos, que, na economia dos elementos relacionáveis ao gênero, acaba funcionando quase como uma abstração dele.

Ainda que num terreno preparado por “Landscapes” e “Come Into My Room” (que não ganhou single, mas foi divulgada previamente ao lançamento do disco) fica impossível não levantar a sobrancelha com desconfiança durante a abertura do álbum. Se as duas primeiras, mesmo com a aspiração pop, tinham um quê de delírio e vertigem, “He Said I Said” se aproxima dos novos românticos como XX, M83 e Chromatics. Podendo ser considerada como o outro extremo de suas abstrações, essa lucidez Pop só se repete em “Up In My Head”, que pouco tem em comum com a faixa homônima lançada junto com “Phat Si” em 2010: tem os vocais mais sólidos e pegajosos do álbum, se contrapondo à linha delirante que predomina durante a audição – “Come Into My Room” é um dos exemplos.

Essa volatilidade que Merrisa aplica às suas baladas pode funcionar perfeitamente em momentos como “Good Times”, porém também representam o ponto fraco da artista quando a faz perder totalmente o foco, como no caso de “Trying”, experiência que soa completamente sem propósito. “Playin Me” começa ameaçando ser mais uma faixa desprovida de direção, e até ganha força gradativamente, com a adição de camadas de sintetizadores na segunda metade, mas nada comparado aos momentos mais focados do álbum.

Por incrível que pareça, um deles é “Trouble”, cover de uma faixa do Coldplay, cujo único problema é o deslocamento da letra em relação aos outros temas abordados no disco, pois as lamúrias culpadas de Chris Martin não combinam com a imagem sedutora que Campbell tenta construir. Tirando esse detalhe, o que temos é a cadência pendular do Dubstep muito bem aplicada a um viajante Eletropop. As antíteses também marcam “Sunshine”, que não desvia por um segundo do clima noturno do álbum, apesar de sua levada calma e do refrão – “you bring me sunshine”.

As trovoadas começam com “What Airtime”, anunciando o núcleo “dançante” de Playin’ Me, que compreende ainda “It’s Serious” e “Is It Gone”. Como nada é tão simples por aqui, o desafio é encontrar passos que se encaixem nos ritmos remanescentes de “Phat Si” – a própria “Is It Gone” parece uma versão deformada desse nosso paradigma. Tudo é muito torto no conjunto que antecede “Up In My Head”, deixando claro que a intenção de Campbell talvez seja deixar seu primeiro LP fechado nos limites dos nossos quartos – introspecção que dá um pouco de charme à sua irregularidade, tornando-a mais perdoável e aproveitável. (Igor Cordeiro)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 12 de agosto de 2012 por em álbum da semana e marcado , , , , , .
%d blogueiros gostam disto: